Domitila Cantro <I>Castro e</I> Melo

Domitila Cantro Castro e Melo

Birth
São Paulo, Brazil
Death 3 Nov 1867 (aged 69)
São Paulo, Brazil
Burial São Paulo, Município de São Paulo, São Paulo, Brazil
Memorial ID 14164444 · View Source
Suggest Edits

Última de 7 irmãos, Domitilia nasceu em São Paulo no dia 27 de dezembro de 1797, filha do Visconde João de Castro Canto e Mello e de Dona Escolástica Bonifácio de Toledo Ribas. Em 13 de fevereiro de 1813, com 16 anos de idade, casou-se com um oficial mineiro do 2º esquadrão do Corpo dos Dragões da Cidade de Vila Rica, o alferes Felício Pinto Coelho de Mendonça (1789 - 1833). Mudou-se para Vila Rica, onde nasceram seus dois primeiros filhos: Francisca e Felício. Em 1815, depois de uma discussão com Domitilia, o alferes Felício esfaqueou-a, apesar de estar grávida de seu 3º filho. Foi então que Domitília deixou o marido e voltou para a casa dos pais, dando a luz a uma criança batizada com o nome de João e que faleceu poucos meses depois. O divórcio do casal só foi concretizado em 1824.
Em 1822 conheceu o Imperador D. Pedro I ( 1798 - 1834 ) com quem teve 5 filhos: um menino natimorto (1823); Isabel Maria de Alcântara Brasileira (1824) - Duquesa de Goiás; Pedro de Alcântara Brasileiro (1825-1826), falecido antes de completar um ano; Maria Isabel de Alcântara Brasileira (1827) - Duquesa do Ceará, que faleceu com meses de idade; Maria Isabel II de Alcântara Brasileira (1830/1896), que só teve o reconhecimento de D. Pedro I, às vésperas de sua morte. Em 1824 Domitília era designada Baronesa de Santos, em 1825, recebia o título de Viscondessa de Santos e, em 1826, o título de Marquesa de Santos.
Como sua presença na corte, após a morte de Imperatriz Maria Leopoldina, criasse dificuldades para o 2º casamento de D. Pedro I, a ligação entre eles foi definitivamente rompida em 1829. Uniu-se a partir de 1833 ao liberal Rafael Tobias de Aguiar (1794-1857), um dos homens mais abastados da Província e com quem se casou em 1842 em Sorocaba. Deste 2º marido teve 4 filhos:. Rafael Tobias de Aguiar Jr, João Tobias de Aguiar e Castro, Antonio Francisco de Aguiar e Castro e Brasílico de Aguiar e Castro.
Já em São Paulo, em 1834, a Marquesa de Santos adquiriu o "Solar" pela quantia de onze contos e quatrocentos mil réis, da filha do Brigadeiro Joaquim José Pinto de Moraes Leme, já falecido.
Dama elegante e formosa, rica e cheia de prestígio político e social, dedicou-se na velhice às obras de benemerência, protegendo os pobres, cuidando dos doentes e de estudantes da Faculdade do Largo de São Francisco. Aliás, os acadêmicos eram comensais da Marquesa que tinha entre eles grande prestígio. Sua casa tornar-se-ia o centro da sociedade paulista que ela animava com saraus literários e bailes de máscaras.
Em 3/11/1867 a Marquesa faleceu vítima de enterocolite e foi sepultada no Cemitério da Consolação, cujas terras foram doadas por ela.



Causa da Morte - Enterocolite


Advertisement

Advertisement

  • Created by: Fabio Pinella
  • Added: 4 May 2006
  • Find a Grave Memorial 14164444
  • Find a Grave, database and images (https://www.findagrave.com : accessed ), memorial page for Domitila Cantro Castro e Melo (27 Dec 1797–3 Nov 1867), Find a Grave Memorial no. 14164444, citing Cemitério da Consolação, São Paulo, Município de São Paulo, São Paulo, Brazil ; Maintained by Fabio Pinella (contributor 46579783) .